sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Sinto falta de sair à noite. Preciso de uma noite de dança (mesmo não tendo jeitinho nenhum para dançar). Sinto falta daqueles vestidos mais curtos, de me sentir leoa à caça, mesmo não tendo como intenções de entrar em acção, e de sentir que o mundo está na minha mão.


Sinto falta de me divertir sem ser fechada em casa com os pequenos prazeres da vida. Quero uma noite louca, sem perguntas, preocupações ou mortes
Foram dias demasiado pesados e o meu coração está tão apertado que já só quer sair, berrar e voltar a ser quem era. Voltar a ser a menina que entrou para a faculdade. Com sonhos por realizar mas com vontade de lutar por eles, com alegria contagiante e uma vida pela frente. Quero deixar de lado este negativismo, este sufoco que sinto com tudo o que tenho passado e com os segredos que tenho guardado.
Só queria ser a S* livre como um pássaro, com asas para voar e onde o céu era o limite. E deixar de lado este presente que me tira o ar, deixar de lado esta falta de vontade para seguir os meus sonhos. Acima de tudo, queria deixar de lado está agonia que tenho dentro de mim que me dá a certeza de que nunca serei capaz de os atingir.



2 comentários:

  1. vais ser livre, acredita em ti :) força e diverte-te mais ^^

    r: tens razão, mas os do Estado são do país, sendo o governo bom ou mau, temos que festejar o que até aqui foi feito, mas os religiosos não têm lógica nenhuma e são da minha religião!

    ResponderEliminar